31 de ago de 2015

Ana Paula e Fernando

Clássico e elegante. Foi assim o casamento de Ana Paula Junqueira e Fernando Terassi.








Ana Paula queria muito um casamento tradicional. E nada mais elegante do que tradição.
A começar pela escolha da igreja: a imponente São José, a mais tradicional de Belo Horizonte. 




















  O convite, um clássico de  Hilton Impressos (tradição é tradição!) , tinha envelope de pergaminho fechado com um lacre de cêra com o monograma dos noivos e uma capa onde se repetia o AF. Como o noivo é de São Paulo, a família da noiva, teve a ideia de trazer na contracapa as fachadas da Igreja São José e do Automóvel Clube, duas das maravilhas da arquitetura de Belo Horizonte.











Ana escolheu Taís Teixeira da Costa para fazer seu vestido. Taís é a darling das famílias tradicionais mineiras. O modelo clássico em renda tinha véu de 6 metros. A tiara, de cair o queixo, da Talento e os brincos pertenceram à  avó materna. Isso sim é que é luxo!













As demoiselles estavam lindinhas de Laçarote,  e um dos  pajens, Arthur, levou as alianças  na mesma salva de prata usada há quatro gerações pela família! 




















A festa, no Automóvel Clube, para 450 ´´talheres´´, foi animadíssima e emocionante. 
No Salão Dourado, decorado com fotos da família,  foi montado um ´´Salão de Jantar´´ com 16 mesas de 10 lugares com candelabros de velas e flores brancas.  O Buffet Rullus inovou com 2 "GastroBar",  um do "Mar" e outro da "Terra", onde seis  chefs preparavam os pratos ao vivo na frente dos convidados.
Na Antessala foi montado o ´´antepasto´´ e no Salão Príncipe de Gales ficou a Boate montada pela Equipe 1. O DJ, Luís Maranhão,  de São Paulo.
Já  o terceiro andar, o tradicional Salão Verde, recebeu um  ´´Salão de Jantar com Massas´´ preparadas ao vivo.  Uma "Homenagem à Família Pugno Terassi" de origem italiana.































O bolo, de Elisa Castro tinha sete andares! Uma coisa de lindo! Já os doces ... um luxo! Embrulhados pela craque Eliana Gualberto Ribeiro formando borboletas e flores. Quase uma jóia!





A mesa do café, outra surpresa! A mesa tinha nada menos que 180 xícaras antigas de modelos diferentes, trazidas da Europa para o casamento! Um deslumbre de encher os olhos! 





























































Apaixonados, felizes e realizados, os noivos partiram para  honey moon na Itália. E na volta, vão residir em São Paulo, com o amor e a  benção das famílias. 

Um casamento de sonho. 










20 de dez de 2012

O casamento de Patrícia e Leonardo Pirani


Antes de lerem este post, cliquem no video ao lado em PLAY. 





Leonardo e Patrícia Pirani (née Magalhães Drumond Costa e Silva) se casaram em Paris, no casamento do ano!
















Patrícia, filha de Kátia e Gladstone, é uma BGBC, clássiquérrim, fina e ama Paris, cidade onde já morou. Para se casar com o amor de sua vida, nada como a cidade de sua vida!

























Foram meses de preparação para receber 80 convidados em um barco no Sena.
Mas, como a mãe da noiva é a Kátia, nada foi problema. Organizadíssimas, caprichosas e detalhistas, mãe e filha cuidaram de tudo pessoalmente (com algumas idas à Cidade Luz, claro!), e no dia D, saiu tudo perfeito.


























O barco, luxuoso, foi todo decorado com flores brancas, castiçais de cristal, toalhas de linho e prataria. Algumas delas trazidas do Brasil. Tudo do maior bom gosto. No cerimonial, impecável, Kátia teve a ajuda da Wedding Luxe de Fernanda Silva, uma empresa bacanérrima, especialista em casamentos ao redor do mundo.














A cerimônia foi linda e emocionante, com o por do sol de Paris ao fundo.
Patrícia estava uma princesa! O vestido, maravilhoso era da Cymbeline, uma coisa!!!























Kátia, a mãe da noiva, chiquérrima, num Pronovias pink longo e brincos de capotar.
Maria Elvira, mãe do noivo, super elegante, num Printing dourado.




















O menu, foi um caso à parte. Queijos da  Marie QuatreHomme, considerada a melhor fromagerie da Franca.
Buffet impecável do Lenôtre e os doces e o bolo de ninguém menos que Ladurée.
E ...Cest fini.
























Durante a festa, um caricaturista foi contratado para fazer o retrato dos convidados. O perfil era recortado em papel e coladas num livro de recordações. 

















































Para cada feliz convidada, um mimo à mesa: Kátia presenteou a todas com uma pulseira de pérolas. 
Um luxo!!





























O casamento foi tão perfeito e tão lindo, que foi filmado para um documentário sobre casamentos ao redor do mundo. 
As imagens, da fotografa Gabi Alves, de Paris, estão em todos os blogs e sites sobre casamentos.

Patrícia já pensa até em prestar uma consultoria para as noivinhas que quiserem seguir seu sonho!





































A festa varou a noite, e parecia que a Torre Eiffel tinha se acendido só para a passagem do barco!















Patrícia e Leonardo realizaram o sonho do casamento dos sonhos.
Abençoado por Deus, com a presença da família, dos amigos mais queridos,  e iluminado pelas luzes de Paris.
E quem foi que disse que  La Vie não pode ser  Rose?